Um início de ano com aportes milionários para as fintechs

Leitura: 3 min Somente em fevereiro as startups do setor receberam US$ 567 milhões em aportes.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

O ano de 2022 começou a todo vapor para as startups brasileiras. Mesmo com o mundo vivendo um período de incertezas e crises, os negócios para o setor das fintechs seguem gerando ótimos lucros. 

Já no início deste ano, no mês de fevereiro para ser mais preciso, as startups brasileiras no geral receberam cerca de US$ 763 milhões em aportes distribuídos em 40 rodadas, de acordo com o Inside Venture Capital, relatório produzido pela plataforma Distrito Data Miner em parceria com o Bexs Banco. 

E, por mais um ano consecutivo, as fintechs lideram o ranking de investimentos. Somente as startups financeiras atraíram US$ 567 milhões no mês, o equivalente a cerca de 74% do total dos valores.



Uma evolução que não para 

Para deixarmos mais evidente como tem sido a curva de investimento das fintechs  vamos pegar os números de 2021, quando o ecossistema brasileiro de startups fechou o ano com cifras recordes.

Ao todo, foram aplicados US$ 9,4 bilhões, representando 2,5 vezes o volume aportado em 2020. Somente no mês de dezembro, foram investidos US$ 555 milhões. Estes números fazem parte da pesquisa Inside Venture Capital de 2021.

De acordo com o levantamento, foram 779 transações realizadas durante o ano de 2021. As fintechs novamente ocupam o topo do pódio no quesito investimentos, e com larga diferença para o segundo colocado. Elas captaram US$ 3,7 bilhões em 2021 em 176 rodadas, seguidas pelas retailtechs que receberam US$ 1,3 bilhão aportados em 87 transações e em seguida as  Real Estate com US$ 1, 07 bilhão em 32 rodadas. 

Também se destacaram no cenário de aportes as startups de saúde, que levantaram US$ 530 milhões ao longo de 69 negociações, e as de mobilidade, que receberam US$ 411 milhões em 20 transações.



Voltando ao presente

Neste ano, grande parte do aporte foi para a  Neon, que levantou US$ 300 milhões em rodada que a tornou um unicórnio. Na sequência, aparecem as HRTechs que levantaram US$ 102 milhões, Real Estate que obtiveram US$ 25,9 milhões, Retailtechs com US$ 17,2 milhões e as  Martechs com US$ 14,7 milhões.

A somatória dos aportes chega a ser 129% maior que no mesmo período de  2021 e eleva o total de 2022 para US$ 1,36 bilhão. Outro dado mostrado pelo estudo apontou que  que o ticket, ou valor médio, cresceu na maioria dos estágios de captação de investimento e, de acordo com o CEO do Distrito, Gustavo Gierun, isso indica que está acontecendo uma maior maturidade do ecossistema de startups brasileiro, com aportes mais robustos.

“Observamos tickets de séries A e B, por exemplo, já se assemelhando ao de mercados mais consolidados, como o americano e o asiático. Ainda é um ponto um pouco fora da curva, mas vale acompanhar o movimento”, explicou o CEO em matéria no site da CNN Brasil.Com um ecossistema cada dia mais forte e aquecido, é possível que a cada ano as startups aportem valores cada vez maiores. Porém, isso é algo que só iremos descobrir ao longo dos próximos anos!

Mas, se você quiser acompanhar esse mercado de perto, é só ficar ligado nas postagens em nosso blog, nos seguir nas redes sociais e acompanhar o podcast em nosso canal no YouTube e na plataforma de áudio Spotify que vamos contar tudo para você!


Fontes:
https://fintechsbrasil.com.br/2022/03/04/fintechs-receberam-us-567-milhoes-em-aportes-em-fevereiro-segundo-relatorio-valor-e-74-do-total-recebido-por-todas-as-startups-no-mes/
https://www.cnnbrasil.com.br/business/aportes-em-startups-brasileiras-tem-alta-anual-de-129-em-fevereiro-a-us-763-mi/

Nossas Redes Sociais

Siga-nos para mais conteúdos

Faça parte da nossa Newsletter!

Posts Relacionados

Inscreva-se em nossa Newsletter!

Esteja sempre por dentro dos conteúdos mais importantes do mundo das fintechs e do mercado financeiro!​

Já está indo? Que pena!

Antes, inscreva-se em nossa newsletter e esteja sempre atualizado sobre o mundo de finanças, tecnologia e inovação!