Pix Cobrança: dê adeus aos boletos

Leitura: 3 min Funcionalidade permite que os emissores recebam os valores assim que o pagamento for feito, mesmo em finais de semana ou feriados.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Desde que foi lançado, o Pix vem ganhando cada vez mais funcionalidades, como o Pix Cobrança, destinado especialmente a pessoas jurídicas. Se você deseja saber mais sobre essa aplicação do serviço de transferências instantâneas e como ela poderá ser utilizada no dia a dia da sua empresa, esse texto é para você!


Pix Cobrança: o que é

O Pix Cobrança veio como uma alternativa ao boleto bancário. Conforme anunciado pelo Banco Central (BC), ele é destinado a pessoas jurídicas, podendo ser prestadores de serviço, microempreendedores individuais e/ou pequenas e grandes empresas. Ou seja, ele está disponível para todos os modelos de negócio! A funcionalidade autoriza que prestadores de serviços emitam QR Codes para que sejam realizadas cobranças imediatas ou em data futura, podendo até mesmo adicionar informações como multa, juros e desconto. Há casos de contas digitais em que a funcionalidade já está disponível e é possível que seja gerado um QR Code estático com as informações bancárias. Mas o que diferencia ainda mais o Pix Cobrança é a possibilidade de incluir mais informações específicas sobre os valores recebidos.


Pix Cobrança x Boletos

Atualmente, empresas do segmento financeiro buscam criar sistemas que facilitem cada vez mais a vida dos usuários. E com o Pix Cobrança não seria diferente! Dois aspectos que se destacam na ferramenta são a sua facilidade de escaneamento e a versatilidade. Quantas vezes você precisou “brigar” com aquele código de barras para conseguir realizar a leitura e no final precisou digitar número por número? Com o QR Code gerado para o Pix Cobrança isso será um problema do passado.

Assim como os boletos, o Pix Cobrança poderá ser gerado eletronicamente ou então impresso em papel, de acordo com o desejo de cada usuário. Nas faturas física ou em PDF terá um QR Code e não aquele tradicional código de barras do boleto. Então, a grande diferença entre código de barras e QR Code do Pix Cobrança é a sua capacidade de memorizar uma maior quantidade de informações, além da representação gráfica. O código de barras é formado por faixas escuras e claras, largas e finas, já o QR Code possui uma codificação representada em uma imagem quadriculada e pode ser lido tanto na dimensão horizontal, quanto na vertical.

O Pix funciona 24 horas por dia e 7 dias por semana, ou seja, durante os 365 (ou 366) dias do ano você poderá emitir um Pix Cobrança. E o Pix Cobrança também terá os valores enviados às contas dos destinatários em poucos segundos. Algo que não ocorre com os boletos bancários, que podem levar até três dias úteis para serem compensados, isso se a data não for em um final de semana ou feriado, claro. 


Segurança e tarifas mais justas

Quando escaneados, os códigos de barras mostram ao pagante todos os dados da cobrança, e isso segue ocorrendo quando é feita a leitura do QR Code no Pix Cobrança. Ou seja, informações como valor, data de vencimento, CPF/CNPJ do pagador e dados do emissor continuarão disponíveis para conferência. O Pix Cobrança possui as diretrizes de segurança impostas pelo Banco Central, isto é, segue todos os protocolos de segurança do Sistema Financeiro Nacional, os mesmos usados nos TEDs e DOCs, por exemplo. Assim, é obrigatório que durante as transações os dados dos clientes sejam protegidos por criptografia e autenticação para evitar fraudes e prejuízos financeiros.


Próximos passos

Mesmo que já em funcionalidade, o Pix Cobrança possui mais duas fases que devem entrar em vigor ao longo dos próximos meses. De acordo com o calendário do Pix divulgado pelo BC, no quarto trimestre deste ano deve ocorrer a padronização de arquivo de remessa e retorno, para viabilizar gestão de cobranças em lote, e no segundo trimestre de 2022 ocorre a duplicata no Pix que permitirá a antecipação de cobranças.

O Pix tem causado uma revolução no sistema financeiro e na forma como empresas e pessoas lidam com envio e recebimento de valores. Recentemente ele foi eleito o melhor sistema de pagamentos do mundo. Ainda tem muita novidade por vir em relação ao Pix! E nós, da Phi, estaremos ligados em cada uma delas. Fique por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro e no mundo das fintechs. Conheça nossas redes sociais e não perca as postagens aqui no blog.

[ebook] A Revolução do Banking chegou!

7 inovações do banking que vão impulsionar sua empresa

Nossas Redes Sociais

Siga-nos para mais conteúdos

Faça parte da nossa Newsletter!

Posts Relacionados

Inscreva-se em nossa Newsletter!

Esteja sempre por dentro dos conteúdos mais importantes do mundo das fintechs e do mercado financeiro!​